janeiro 31, 2010

Maria Viana

Mais uma voz que poderia ter ido longe, a nível internacional. Em Portugal personalizou o que de melhor se fez. Aqui, num tema de Jobim, com o Moreiras Jazztet.
João Centeno Moreira no trompete.



Site Maria Viana

2 comentários:

Joaquim Simões disse...

A Maria Viana e quantos outros! É muito triste... Sobretudo quando, até mesmo a nível nacional, raramente passam pelos órgãos de "comunicação".

Eurico Moura disse...

Que eu tenha dado por isso, nunca houve uma divulgação dos músicos de jazz portugueses nas TV's ou rádios.
Maria João ficou conhecida pela sua participação nos Ídolos, ou coisa parecida, o mesmo acontecendo com Laurent Filipe, ou seja, pelas piores razões.